Atividades Físicas para crianças com autismo e seus benefícios!

Atividades Físicas para crianças com autismo e seus benefícios!

Atividades físicas para crianças com autismo podem ajudar, e muito, no desenvolvimento dos indivíduos que possuem estas condições.

Para começar a falar deste assunto eu poderia perguntar se você pratica exercícios físicos, já que todos nós sabemos o quanto é importante manter o nosso corpo em movimento…

Mas vamos direto ao ponto. Sobre a pessoa que você mais ama no mundo: seu filho.

Seu filho pratica exercícios físicos?

Se você está aqui é porque talvez não seja assim tão fácil introduzir a prática de exercícios na rotina do seu filho, ainda mais se ele possui TEA (Transtorno do espectro do autismo).

Por isso neste artigo eu vou falar exatamente sobre isso. Você entenderá  Como a prática de exercícios físicos e psicomotores específicos pode ajudar no desenvolvimento dessas crianças.

E ainda, saiba onde encontrar profissionais que usam atividades físicas para estimular crianças com autismo.

Você pode se interessar por este outro artigo também: Como desenvolver a linguagem de crianças com TEA usando Método Denver?

A importância de Exercícios personalizados.

Não é segredo para ninguém que praticar exercícios físicos faz bem para o corpo e também para a mente, certo?

No entanto, escolher a atividade praticada nem sempre é uma tarefa simples.

Algumas coisas devem ser levadas em consideração neste momento, entre elas o objetivo, as condições de saúde da pessoa e também o gosto pessoal de cada um.

Por isso nunca é demais alertar sobre a necessidade de se buscar ajuda profissional para a definição dos exercícios praticados e acompanhamento.

Esses profissionais serão os responsáveis pela “personalização” dos exercícios para cada pessoa.

Dito isso, podemos falar também sobre os benefícios que a prática de exercícios físicos e psicomotores específicos pode oferecer para o desenvolvimento de crianças com autismo.

Atividades físicas para crianças com autismo.

Incluir atividades físicas na rotina de crianças com TEA (Transtorno do Espectro Autista) não é tão simples quanto se imagina.

Muitas vezes serão necessárias diversas adaptações para que a atividade não seja estressante para a criança e realmente desperte o seu interesse.

Além disso, o local deve ser apropriado, seguro e um profissional deve fazer a definição dos melhores exercícios, ou seja, aqueles que poderão realmente colaborar no desenvolvimento da pessoa.

No entanto, todo esforço pode melhorar muito a qualidade de vida das crianças com TEA.

É comprovado através de estudos que a atividade física para crianças com autismo proporciona ótimos resultados no desenvolvimento social, motor e afetivo de quem possui TEA.

Mas vamos entender melhor em qual sentido praticar atividades psicomotoras pode ajudar nossas crianças.

O Desenvolvimento Motor das crianças com TEA.

A atividade física para crianças com autismo é tão importante justamente porque trabalha aspectos do desenvolvimento motor da criança, uma das áreas que é mais afetada pelo autismo, na maioria dos casos.

O  desenvolvimento motor é basicamente um acompanhamento da forma como o corpo se movimenta e interage com o ambiente em que está inserido com o passar do tempo.

Constitui um processo de mudanças e aprimoramento nos movimentos humanos, através de interações entre componentes genéticos e culturais.

Este processo ocorre em diversas fases da vida, apresentando estágios diferentes que vão se modificando de acordo com o crescimento.

Acontece que, a criança com autismo pode apresentar alterações motoras, caracterizadas por déficit na coordenação motora, na maturação nervosa e no planejamento motor, desenvolvendo assim movimentos considerados inadequados para sua idade.

Além disso, estudos revelam que desenvolvimento motor deficitário pode contribuir ativamente para aquisição de dificuldades de aprendizagem.

Sendo assim, a prática de atividades psicomotoras específicas colabora significativamente na intervenção de um comportamento inadequado e no desenvolvimento das áreas relacionadas aos movimentos.

Contribui também para o desenvolvimento de aspectos sociais importantes, e ainda colabora para que os ítens relacionados à aprendizagem como a alfabetização, leitura e escrita, sejam bem sucedidos.

Lembrando que esses resultados são alcançados com a ajuda de profissionais, pois devem ser feitos com técnica e objetivo pré-estabelecido. S

Os cuidados na Atividades psicomotoras para crianças com autismo!

Atividades físicas recomendadas para crianças com autismo.

Para que as atividades físicas para crianças com autismo sejam bem sucedidas é importante procurar variar os tipos de exercícios e esportes, observando em qual deles a criança se adapta melhor e se sente mais feliz praticando.

Alguns esportes podem colaborar de forma mais efetiva para o desenvolvimento de indivíduos com TEA, como natação, futebol, esgrima, hipismo, vôlei, entre outros.

Deve-se observar também quais as principais necessidades da criança, assim é possível adaptar as atividades e mesclar com aquelas que poderão oferecer os melhores estímulos no desenvolvimento do que ela apresenta maior dificuldade.

Sendo assim, cada esporte pode trazer determinados ganhos, ajudando no condicionamento físico, motor e social.

Ainda mais considerando o trabalho em equipe que pode ser feito em diversos jogos, para estimular a interação social do indivíduo com os demais participantes.

Para crianças e jovens com TEA, geralmente, não há restrições para nenhum tipo de esporte, no entanto cada caso é um caso, como eu sempre digo, é preciso observar atentamente e fazer um estudo com antecedência para saber as dificuldades específicas de cada criança.

Barulho e gritaria podem ser muito estressantes para essas crianças, por isso a necessidade de adaptação das atividades.

Dessa forma, a criança ou jovem pode praticar qualquer atividade, em segurança e da forma correta.

Conclusão

Vimos o quanto as atividades físicas para crianças com autismo podem colaborar no desenvolvimento desses pequenos.

Além de tudo o que falamos podemos ainda acrescentar que praticar exercícios físicos pode ser extremamente prazeroso, já que eleva o nível de alguns neurotransmissores responsáveis pelo humor, no cérebro.

Proporciona ganhos excelentes em relação às habilidades motoras, sócio-afetivas e de aprendizagem.

Mas é muito importante prestar muita atenção sobre como esses exercícios serão adaptados para atender às necessidades desses indivíduos.

Por isso é muito importante procurar educadores físicos especializados para definir e acompanhar essas crianças.

A boa notícia é que na Alphafono nós trabalhamos também com a atividade física para crianças com autismo ou dificuldades de aprendizagem.

São exercícios específicos, circuitos e jogos, todos ministrados com objetivos claros, acompanhamento e adaptações personalizadas de acordo com cada caso.

Além disso nosso educador físico trabalha com a abordagem ABA, e temos a equipe completa para atender quaisquer necessidades que surgirem.

Se você quiser buscar esta forma de terapia para o seu filho entre em contato conosco pelo whatsApp 11 99460-8548.

Marque uma avaliação, será um prazer cuidar do seu maior bem.

Se você gostou desse conteúdo ou tem qualquer dúvida, curta, comente e compartilhe nas suas redes sociais.

Qual a sua opinião