Entenda a importância da Fonoaudiologia na Síndrome de Down!

Entenda a importância da Fonoaudiologia na Síndrome de Down!

Entenda a importância da Fonoaudiologia na Síndrome de Down!

É comum que crianças portadoras da Síndrome de Down sejam encaminhadas ainda bebês para os serviços de intervenção multiprofissional, entre eles a fonoaudiologia.

Mas qual o papel da Fonoaudiologia na Síndrome de Down, e quais são as reais contribuições deste profissional no tratamento e desenvolvimento dessas crianças?

O começo da vida de qualquer criança sempre é um desafio para os pais, mas no caso de crianças especiais os desafios são diferentes, e muitas vezes a falta de informação gera muita angústia.

Por isso, neste texto explicaremos para os pais e mães como a fonoaudiologia pode agregar mais qualidade de vida a essas crianças.

 

A Síndrome de Down

Em 1866 um médico inglês chamado John Langton Down, publicou pela primeira vez um trabalho acadêmico descrevendo as características precisas de uma pessoa portadora da Síndrome de Down, que ganhou esse nome graças a ele.

A Síndrome de Down é uma condição cromossômica.

Veja bem! Nós somos feitos de células, e cada célula do nosso corpo possui 23 pares de cromossomos, metade herdados do pai e metade herdados da mãe. Os indivíduos portadores da síndrome de Down possuem uma cópia total ou parcial do cromossomo 21, totalizando 47 cromossomos em cada célula.

Esse material genético adicional gera as características associadas à Síndrome, que são:

  • Baixo tônus ​​muscular;
  • Baixa estatura;
  • Maior propensão a algumas doenças;
  • Alterações nos olhos, que podem incluir estrabismo e/ou dificuldade de ver de perto ou de longe;
  • Além das características físicas comuns;

 

Embora cada pessoa com síndrome de Down seja um indivíduo único e possa possuir estas características (ou nem todas) em diferentes graus.

No entanto, todos os portadores da Síndrome possuem algum atraso no desenvolvimento intelectual, que inclui habilidades como falar e aprender, e é exatamente aqui que começa o trabalho da Fonoaudiologia na Síndrome de Down.

 

Tipos de Síndrome de Down

 

Existem três principais anomalias cromossômicas na síndrome de Down.

Trissomia do 21: Esse é o tipo mais comum, 95% dos casos de Síndrome de Down acontecem por conta da um erro na divisão celular, chamado Não-disjunção, que resulta em um embrião com três cópias do cromossomo 21, replicadas durante o desenvolvimento em todas as células do corpo.

Mosaico: Já o mosaicismo é uma falha genética, onde um indivíduo possui dois materiais genéticos diferentes. A criança com essa condição possui dois tipos de células, algumas com 46 cromossomos e outras com uma cópia a mais do cromossomo 21, totalizando 47 cromossomos.

Translocação: Quando o cromossomo extra do par 21 fica “grudado” em outro cromossomo. Nesse caso o paciente tem 46 cromossomos em cada célula, mas ainda assim é portador da Síndrome de Down, esta condição é raríssima.

Independente do tipo de Síndrome, o quadro de cada indivíduo sempre deve ser analisado de forma personalizada para conseguir definir o melhor diagnóstico e plano de ação.

 

A Fonoaudiologia na Síndrome de Down

 

As crianças portadoras de Síndrome de Down possuem algumas características específicas, que se desenvolvem melhor com o auxílio de um profissional fonoaudiólogo.

Essas crianças possuem vários graus de atrasos cognitivos, de muito leve a grave, mas a cada dia que passa estão mais integradas à sociedade, trabalhando, estudando e se relacionando com as pessoas. Tudo isso se deve a avanços da medicina e trabalhos importantes como a terapia fonoaudiológica.

A ação da fonoaudiologia na Síndrome de Down começa desde bebê, é um trabalho amplo que começa desde a preparação da musculatura para o desenvolvimento da fala em si. Isso é necessário porque graças à hipotonia muscular, podemos dizer que, as crianças com Down são “molinhas”, daí pode surgir uma série de dificuldades articulatórias que comprometem a fala.

Ainda antes disso, é necessário observar a habilidade de deglutição (sugar, mastigar e engolir) da criança. A amamentação de crianças portadoras da síndrome de Down pode ser difícil, mas é importante que a mãe insista, se possível, pois o ato de sugar o leite é importantíssimo para o fortalecimento da musculatura necessária para a fala, esta também é uma área em que a fonoaudiologia pode ajudar.

Com o acompanhamento adequado em cada fase do crescimento da criança o fonoaudiólogo poderá ajudar a desenvolver melhor a fala, através de exercícios e do direcionamento da alimentação e ferramentas que ajudem no fortalecimento da musculatura.

Além disso, ajudará a criança no desenvolvimento cognitivo e de linguagem, através de orientação.

Em idade escolar, o profissional poderá ajudar também no desenvolvimento da Leitura e Escrita, que são fatores importantes da linguagem e do aprendizado.

Para cada criança e cada fase são necessárias ações diferenciadas, muitas vezes o fonoaudiólogo acaba acompanhando as crianças por anos, e esse contato próximo com a família é importante para que ambos possam se sentir confiantes, e a criança se desenvolva da melhor maneira possível.

 

 

Conclusão

 

Vimos o importante papel que desempenha a Fonoaudiologia na Síndrome de Down.

Graças a estudos e ao empenho desses profissionais as crianças portadoras da Síndrome podem alcançar um nível de qualidade de vida impressionante.

Vimos que as habilidades de se alimentar, falar, ler, escrever e, consequentemente, desenvolver a capacidade de compreensão podem ser facilitadas com a ajuda da terapia fonoaudiológica na Síndrome de Down.

Com isso as crianças se desenvolvem e se preparam melhor para ter mais autonomia e se integrar cada vez mais à sociedade.

O ideal é que a criança seja acompanhada desde o nascimento, para que o profissional possa apoiar a família, oferecendo a orientação necessária para que a adaptação seja tranquila.

Lembrando que em cada fase da criança as necessidades são diferentes, e o profissional está preparado para colaborar e desenvolver os melhores planos de ação para cada uma delas.

Se você tem uma criança especial em casa e precisa da ajuda de uma fonoaudióloga especializada para atender crianças com Síndrome de Down entre em contato conosco pelo Whatsapp 11 9 9460 8548, será um prazer imenso acompanhar e ajudar no desenvolvimento do seu filho, se não for o seu caso compartilhe essa informação com alguém que precise.

Qual a sua opinião